• Valemobi

Blau Farmacêutica define ação a R$ 40,14 e movimenta R$ 1,2 bilhão em IPO

Após o encerramento do procedimento de bookbuilding, a Blau Farmacêutica definiu o preço por ação em sua oferta pública inicial (IPO, na sigla em inglês) a R$ 40,14 cada, valor abaixo da faixa estipulada pelos coordenadores da operação, que ia de R$ 44,60 a R$ 50,60.


Para emplacar o IPO, a companhia teve que reduzir em 10% o piso da faixa indicativa e retirou a oferta secundária, segundo informações em seu prospecto enviado à Comissão de Valores Mobiliários (CVM).


Inicialmente, a oferta da Blau movimentaria cerca de R$ 2,1 bilhões, considerando o ponto médio da faixa estimada pelos coordenadores, de R$ 47,60, e com a venda de 44.848.485 ações da oferta base.


Segundo a farmacêutica, os recursos provenientes da oferta serão utilizados para:

  • Expansão da capacidade produtiva e verticalização de insumos estratégicos

  • Investimentos em centros de coleta de plasma nos Estados Unidos

  • Aceleração de sua política de investimento em pesquisa e desenvolvimento de novas moléculas e medicamentos (P&D), no Brasil e no exterior

  • Expansão de seu mercado de atuação na América Latina

  • Expansão de sua capacidade produtiva e de distribuição na América Latina

  • Composição de capital de giro para novos investimentos

  • Amortização das debêntures

As ações da empresa, que serão negociadas no segmento do Novo Mercado, estreiam na próxima segunda-feira, 19, na B3, sob o ticker BLAU3. O IPO foi coordenado por Itaú BBA, Bradesco BBI, J.P. Morgan, Citi, XP e BTG Pactual.


Sobre a Blau Farmacêutica


A Blau Farmacêutica é uma das principais empresas farmacêuticas da América Latina, responsável por produzir medicamentos de alta complexidade, voltados à saúde humana. Ela é especializada em produtos biotecnológicos e sintéticos para oncologia, nefrologia, hematologia, infectologia, dentre outras.


Estabelecida na cidade de Cotia, no centro metropolitano de São Paulo, a companhia conta com 5 plantas produtivas: São Paulo, Cotia (Sintéticos e Biotecnológicos), Caucaia e Anápolis, todas com equipamentos de alta tecnologia para produção, controle de qualidade.


O que é bookbuilding?


De um modo resumido, o bookbuilding é o processo em que o coordenador da oferta estuda e avalia, em conjunto com os investidores, como seria a demanda de seus ativos no mercado.


Dessa forma, a empresa que pretende abrir capital ou fazer novas ofertas deve saber qual a intenção de compra dos acionistas e chegar a um preço razoável para o IPO ou novas ofertas (follow on). Leia mais.