©2010-2017 - Valemobi Consultoria Empresarial S/A.

Todos os Direitos reservados.

contato@valemobi.com.br
+5511 3024-8080

  • Facebook - Grey Circle
  • LinkedIn - Grey Circle
Please reload

Posts Recentes

Temporada de resultados chegando: saiba como analisar os dados das empresas!

Desde o finalzinho do mês passado, as empresas listadas na bolsa brasileira vêm liberando seus balanços referentes ao quarto trimestre e o acumulado de 2019.

 

Mas, afinal, você sabe como analisar esses dados financeiros? Pois bem, o TradeMap preparou um artigo para tirar suas dúvidas e facilitar a interpretação desses números! Vamos lá?

 

Onde buscar essas informações financeiras?

 

Cada empresa divulga seu balanço no site de relacionamento com investidores, mas os dados podem soar confusos, principalmente para quem está começando a investir agora no mercado acionário.

 

Por isso, existe um jeito muito mais rápido e fácil de analisar as informações financeiras de qualquer empresa listada na bolsa – incluindo as companhias norte-americanas!

 

Basta você acessar o TradeMap Web, abrir o papel correspondente da companhia que você pretende investir ou já investe e analisar os dados financeiros e de mercado na tela de lâmina. 

 

Na plataforma você encontra todos os dados consolidados de forma super prática, como o Dividend Yield e EBITDA.

 

Mas antes de tudo, se você ainda não é um usuário Premium, então faça o cadastro agora mesmo clicando aqui e tenha as melhores ferramentas do mercado financeiro!

 

→ Leia também: Como analisar os fundamentos de uma empresa?

 

Divergência nos números?

 

Algumas companhias podem demonstrar números divergentes do que apresentamos na lâmina de empresas, mas não se preocupe, pois usamos fontes oficiais, ou seja, informações da Comissão de Valores Mobiliários (CVM).

 

Acontece que cada empresa pode relativizar seus resultados com base na sua própria interpretação dos eventos que ocorreram no ano.

 

Isso significa que o resultado contábil apresentado à CVM pode agregar eventos que a companhia não considera recorrentes na sua operação.

 

Um caso prático foi o que aconteceu com o resultado do Itaú, onde o banco reportou em seu demonstrativo financeiro o lucro líquido recorrente de R$ 28,363 bilhões em 2019.

 

Já pelo TradeMap, o lucro líquido da instituição bancária aponta um valor de R$ 27,81 bilhões no ano passado.

 

E aqui vamos a tal pergunta: qual número está certo?

 

O número considerado correto é o oficial, ou seja, aquele enviado à CVM, mas é sempre importante entender e analisar como a empresa apresenta os seus dados e as explicações que ela repassa ao mercado.

 

 

Baixe agora mesmo o TradeMap e tenha acesso à maior plataforma do mercado financeiro!

 

 

Share on Facebook
Please reload

Please reload

Arquivo