©2010-2017 - Valemobi Consultoria Empresarial S/A.

Todos os Direitos reservados.

contato@valemobi.com.br
+5511 3024-8080

  • Facebook - Grey Circle
  • LinkedIn - Grey Circle

January 16, 2018

April 26, 2017

April 10, 2017

March 27, 2017

December 22, 2016

November 18, 2016

Please reload

Posts Recentes

Ibovespa cai -0,16% após queda de bancos e fala de presidente do Fed

05.08.2015

O Ibovespa fechou o dia de pregão com queda de -0,16% e 50.058 pontos. Apesar do lucro líquido ter ficado acima do esperado pelos analistas, o Banco Itaú (ITUB4, -2,41%; ITUB3, -3,16%) apresentou aumento nas inadimplências para 3,3%, contra 3% do ano passado.

 

O Bradesco (BBDC4, -1,44%; BBDC3, -0,99%), também contribuiu com o lado negativo, depois que teve sua nota cortada para manutenção pelo Santander, após a compra do HSBC Brasil por US$ 5,2 bilhões (R$ 17,6 bilhões).

 

Além disso, o presidente do Federal Reserve (Fed) de Atlanta, Dennis Lockhart, disse que os EUA estão próximos de elevar a taxa básica de juros em setembro.

 

A lista de maiores quedas foi liderada pelo Banco do Brasil (BBASC3) com queda de -3,55%. Seguido da Eletrobras (ELET6) com -3,39%, Ecorodovias (ECOR3) com baixa de -3,33%. BR Malls (BRML3) com queda de -3,29% e a Hypermarcas (HYPE3) com -2,88%.

 

A Petrobras (PETR4, +1,60%; PETR3, +1,18%) e a Vale (VALE5, +2,99; VALE3, +2,90%) contribuíram com o lado positivo do pregão de hoje, mas ganhos foram ofuscados com a queda de bancos e com anúncio do presidente do Fed de Atlanta com a maior probabilidade de aumento na taxa básica de juros em setembro.

 

O volume total negociado no Ibovespa foi de R$ 4,63 bilhões. As empresas que mais negociaram em relação ao seu próprio volume, conforme nosso indicador, “Δ Volume IBOV", foram Estácio (ESTC3) com 246%, Itaú com 223%, Lojas Renner (LREN3) com 190%, Cetip (CTIP3) com 187% e Bradesco nas ordinárias com 184%.

Share on Facebook
Please reload

Please reload

Arquivo