©2010-2017 - Valemobi Consultoria Empresarial S/A.

Todos os Direitos reservados.

contato@valemobi.com.br
+5511 3024-8080

  • Facebook - Grey Circle
  • LinkedIn - Grey Circle

January 16, 2018

April 26, 2017

April 10, 2017

March 27, 2017

December 22, 2016

November 18, 2016

Please reload

Posts Recentes

Ibovespa sobe 0,37% com reversão de Petrobras e alta da BR Foods

08.07.2015

Ibovespa teve alta de 0,37% nessa terça-feira com 52.344 pontos, influenciada por reversão dos papéis da Petrobras, que passaram de maiores baixas, para maiores altas no fim do pregão e alta do papel da BR Foods, após boato desmentido. A notícia de que o FMI (Fundo Monetário Internacional) reiterou sua recomendação ao Fed (Federal Reserve) de não elevar a taxa básica de juros antes de 2016, animou o mercado.

 

 

 

A Petrobras preferencial atingiu a mínima de -5,75% as 11h15, mas teve queda revertida na última hora do pregão para 2,61% nas preferenciais (PETR4) e 2,41% nas ordinárias (PETR3).

 

A BR Foods (BRFS3), que liderou a lista de maiores altas no pregão de hoje, teve valorização positiva de 5,24%, depois que o fundo de pensão dos funcionários da Petrobras (Petros) desmentiu os rumores de que venderia parte de seus investimentos na dona das marcas Sadia e Perdigão.

 

Além delas, também tiveram altas a CPFL Energia, que teve recomendação elevada pela Citi Corretora, subindo 3,43%, seguidas de Gerdau (GGBR4) com 3,08%, em sua 2ª maior alta consecutiva na semana.

 

O volume total negociado no Ibovespa foi de R$ 5,81 bilhões. Conforme nosso indicador “ΔVolume IBOV”, as empresas que mais negociaram em relação ao seu próprio volume foram a BR Foods com 300%, Gerdau Metalúrgica (GOAU4) com 243%, Cosan (CSAN3) com 243%, Gerdau com 201% e Souza Cruz (CRUZ3) com 196%.

Share on Facebook
Please reload

Please reload

Arquivo