Fale com nossos especialistas

Av General Furtado Nascimento, 740, cj 60
Alto de Pinheiros
São Paulo  - SP - CEP 05465-070

 

contato@valemobi.com.br

Tel: +55 (11) 3024-8080

logo-branco.png

©2010-2020 - Valemobi Consultoria Empresarial S/A.

Todos os Direitos reservados.

  • Branco Facebook Ícone
  • Branca Ícone LinkedIn

Gestão financeira inteligente - Soluções para o Mercado Financeiro - Software para gestão de investimentos

Ibovespa tem queda de -2,25%; Qualicorp cai -18% com rumor sobre esquema

O Ibovespa fechou com queda de -2,25% e 52.760 pontos, encerrando com o segundo pior mês do ano, com -6,17% (contra -6,20% de janeiro), queda de -2,97% só nessa semana. A boa notícia do PIB não foi o suficiente para conter a retração do mercado, que dispõe de vários indicadores internos preocupantes. A liderança absoluta nas perdas de hoje ficou com o papel da Qualicorp (QUAL3), com -18,05%, após noticiários informarem que existe possível envolvimento do dono da empresa em lavagem de dinheiro, contudo, não há confirmação alguma sobre o envolvimento do empresário. Além dela, caíram Ecorodovias (ECOR3) com -7,04%, Gafisa (GFSA3) com -6,4%, JBS (JBSS3) com -6,08 e Sid Nacional (CSNA3) com -5,94

Ibovespa tem queda de -0,48%, impulsionada por expectativas do PIB

O Ibovespa fechou com queda de -0,48% e 53.976 pontos, possivelmente influenciada pela tensão no mercado à espera do PIB do primeiro trimestre. Sid Nacional (CSNA3) liderou as perdas com -6,81%, Usiminas (USIM5) com -4,99%, Eletrobras (ELET3) com -4,16%, em seguida, Cosan (CSAN3) com -3,35% e Hering (HGTX3) com -3,28%. A preocupação com o desempenho do PIB pode ter influenciado a queda na bolsa, para analistas, esse indicador deve mostrar queda acumulada nos últimos 12 meses. Ainda segundo eles, mesmo com as medidas do ajuste fiscal aprovadas nos últimos dois dias, ainda é incerto que os efeitos esperados virão e quanto tempo demorará para que surjam esses efeitos. Entre as maiores altas est

Isenção do IR de LCIs e LCAs podem estar com dias contados

Mais uma medida que faz parte do estudo sobre o ajuste fiscal das contas públicas, as isenções de IR nos investimentos em LCIs (Letra de Crédito Imobiliário) e LCAs (Letra de Crédito Agrícola) podem estar com os dias contados. As aplicações nesta modalidade de investimento cresceram muito nos últimos anos, pelo fato de serem isentas do imposto e por poderem ultrapassar rendimentos do CDB, que é tributado. Informações são do jornal O Estado de S.Paulo. OS INVESTIMENTOS EM LCIS E LCAS CRESCERAM NOS ÚLTIMOS ANOS POR SEREM ISENTAS DO IR A ideia da medida, seria tributar os mesmos 15% que são cobrados de investimentos de renda fixa, como nos casos de CDB e Tesouro Direto. O ministro da Fazenda, J

CVC compra Submarino por R$ 80 milhões; veja as principais notícias locais

CVC (CVCB3) adquiriu a B2W Viagens, que possui a marca Submarino Viagens, por R$80 milhões. A B2W Viagens receberá o pagamento em dez parcelas anuais, cujo valor foi calculado por numero de visitas originadas nos sites da B2W. O preço estará sujeito a eventuais ajustes relacionados as Demonstrações Financeiras. Já a Lupatech (LUPA3), empresa do ramo de petróleo, entrou com pedido de recuperação judicial. No comunicado, a empresa informa que mesmo com os esforços da administração em negociações com credores, desmobilização de ativos não estratégicos e a busca por investidores para equilibrar o capital de giro, não foram suficientes para evitar a crise, que foi prejudicada com a baixa no preç

Ibovespa fecha dia com alta de 1,13%

A Bolsa fechou o dia com alta de 1,13% e 54.236 pontos. As maiores altas ficaram com a Rumo Logística (RUMO3) com 9,92%, em seguida as ações preferenciais e ordinárias da Eletrobras (ELET6:ELET3) com 6,27 e 4,80%, respectivamente, seguidas por Cesp (CESP6) com 4,05% e Sabesp (SBSP3) com 3,74%. Os papéis da Eletrobras ganharam força após a CVM aplicar multa na União de R$ 500 mil, por avaliar que esta não poderia ter votado na Assembleia Geral Extraordinária da elétrica, aprovando a renovação de concessões propostas pela MP 579 em 2013, que reduzia os valores de tarifas de energia no país, afetando receita de geradoras. Acionistas minoritários estudam indenização de R$ 7,5 bilhões, em virtude

Ibovespa tem queda de -1,79%, com menor nível desde 2 de abril

O Ibovespa fechou com queda próxima de -1,79% e 53.629 pontos, apresentando menor nível desde 2 de abril. Ecorodovias (ECOR3) liderou as perdas com -6,11%, Eletrobras (ELET4) com -5,27%, Rumo Logística (RUMO3) com -4,72%, em seguida, Kroton (KROT3) com -3,92% e Estácio (ESTC3) com -3,80. Preocupação com Levy voltou no radar dessa terça-feira, com rumores de que o ex-presidente Lula gostaria de trocar o ministro por Nelson Barbosa, do Planejamento e de que o ministro da Fazenda estaria descontente com o apoio recebido do partido. Enquanto isso, o dólar acelerou fortemente em 1,68%, cotado a 3,15. Petrobras (PETR3:PETR4) teve queda de -3,40% e -3,20%, respectivamente, após colocar seis blocos

Brasil registra rombo de US$ 6,9 bi nas contas externas em abril

O Brasil registrou déficit em transações correntes de US$ 6,9 bilhões no mês de abril, rombo foi divulgado nesta terça-feira, pelo Banco Central (BC), que estimava em US$ 6 bilhões, já para analistas do mercado o déficit chegaria a US$ 6,7 bilhões. Apesar do número ter vindo acima da expectativa, é 25% inferior ao mesmo período do ano passado, que foi de US$ 9,2 bilhões de dólares, o governo espera diminuir ainda mais esse déficit já que o dólar está subindo e com estimativa é de mais alta. O BC estima que em 2015 o déficit ficará em US$ 84 bi, o que corresponde a 4,42% do PIB, em 2014 esse número foi de US$ 104,8 bi. Comparando os quatro primeiros meses de 2015 com o mesmo período do ano pa

Fala de Levy reverte queda e Ibovespa fecha neutralizada

A Bolsa fechou o dia neutralizada em 0% com 54.609 pontos. Após ter operado grande parte do dia em queda a mesma foi revertida depois que Joaquim Levy confirou que não esteve na cerimônia por estar gripado, negando discórdia com o governo, além de analisar como “adequado” o corte no Orçamento anunciado na última sexta-feira. As maiores altas ficaram com as ações preferenciais e ordinárias da Eletrobras (ELET6:ELET3) com 6,07 e 4,78%, respectivamente, seguida por Banco do Brasil, que opera em alta pela primeira vez após anúncio de aumento da alíquota do CSLL, com 3,64%, Cemig (CMIG4) com 3,12% e Copel (CPLE6) com 2,88%. A Petrobras figurou o ranking de maiores perdas com -2,14% (PETR4), que c

Bancos privados também restringem crédito imobiliário

Movimento que foi iniciado pela Caixa Econômica Federal, banco que vem sendo o mais afetado pelos saques da poupança, foi seguido por bancos privados. A restrição de crédito imobiliário tem o objetivo de driblar a falta de aplicações na poupança, que vem sofrendo grande crise. Entre as construtoras, algumas alteraram o limite de crédito, exigindo um maior valor de entrada, e outras elevaram a taxa de juros cobrados no financiamento, teve ainda quem fez ambas as mudanças. O Santander (SANB4) alterou seu limite de crédito de 80% para 70%, o percentual não sofreu alteração para clientes de alta renda, chamados Select. Também elevou a taxa de juros, de 9,1% para 10,1%. O Itaú (ITUB4) também alte

Ibovespa encerra com pior semana do ano

O Ibovespa fechou o dia com queda de -1,33% e 54.377 pontos, e teve a pior semana do ano, com desvalorização de -5,02%. Maiores baixas têm Braskem (BRKM5) com -4,68%, Sabesp (SBSP3) com -4,04%, Duratex (DTEX3) com -3,67%, em seguida, Banco do Brasil (BBSA3) com -3,43% e BBSeguridade (BBSE3) com -3,34%. No final da tarde o Governo anunciou corte no orçamento que, em termos nominais foi o maior da história, no valor de R$ 69,9 bilhões. Os bancos tiveram quedas impulsionadas pelo anúncio do aumento da CSLL, e também encerraram com pior semana do ano, com Banco do Brasil caindo -9,25% na semana, junto com Bradesco (BBDC4) com -9,85% e Itaú (ITUB4) com queda de -8,83%. As ações da Vale (VALE3:VAL

Governo eleva CSLL para 20%; veja agenda dessa sexta-feira

Foi elevada em cinco pontos percentuais a alíquota de CSLL (Contribuição Social sobre Lucro Líquido), de 15% para 20%, bancos e outras instituições financeiras irão sentir o aumento. A medida faz parte do ajuste fiscal proposto por Joaquim Levy. O mercado estava trabalhando com aumento de 2%, porém, em conversas entre o ministro e deputados, o projeto passou a sugerir aumento de 5%. Essa medida deve arrecadar de R$ 3 a R$ 4 bilhões a mais aos cofres públicos, e entra em vigor a partir do primeiro dia do quarto mês subsequente. A MP foi aprovada e também tem como objetivo responder às críticas sobre o ajuste fiscal estar atingindo apenas trabalhadores e previdenciários. Dados merecem a atençã

Ajuste fiscal estuda extinguir JCP e tributar dividendos

Os estudos para ajuste fiscal de Joaquim Levy voltam a preocupar o mercado de capitais, levantando a possibilidade de extinção do JCP (Juros sobre Capital Próprio), e a criação de tributo sobre dividendos. Incentivo fiscal criado em 1995, o JCP pode ser extinto no ajuste fiscal que vem tramitando na Fazenda, segundo Jornal do Estado de S.P, essa medida atingiria as maiores empresas e bancos de capital aberto do Brasil, ainda lembrou que não é a primeira vez que tentam dar fim ao benefício, citando a Receita Federal. Em cálculos realizados por colunistas do jornal, caso não existisse o JCP, só em 2014 o Tesouro teria cerca de R$ 14 bilhões a mais recolhidos. Para quem defende a extinção do be

Exportação de carne bovina para China retoma em Junho; mercado internacional

Após acordo entre Brasil e China, frigoríficos podem retomar exportação para o país asiático, os embarques devem retomar em Junho, pelos abatedouros JBS, Marfrig e Minerva, segundo Associação Brasileira das Indústrias Exportadoras de Carnes (Abiec). A JBS (JBSS3) é a empresa que possui mais unidades habitadas, com cinco unidades, em seguida a Marfrig (MRFG3) com duas, e Minerva (BEEF3) com uma, essas são as mesmas unidades que já exportavam em 2012, quando a China embargou as exportações. Segundo Fernando Sampaio, diretor-executivo da Abiec, os embarques devem acontecer em breve, logo após o Ministério da Agricultura do Brasil emitir o texto de certificado sanitário que acompanha a carga. Se

Instrução 555 da CVM deixará a indústria de fundos mais simples e moderna

Depois de 10 anos de mudanças no mercado, a regulamentação dos fundos de investimentos precisava ser atualizada. A ICVM 555 foi criada pela Comissão de Valores Mobiliários (CVM) com o objetivo de reforçar a transparência e a segurança para a indústria e para os investidores, substituindo a instrução 409, que regula a constituição, a administração, o funcionamento e a divulgação de informações dos fundos de investimento. Juntamente com a recém-criada ICVM 554, que substituirá a 539, e a nova classificação de fundos desenvolvida pela AMBIMA, a instrução 555 vem com o papel de simplificar e modernizar a indústria de fundos de investimentos, sem perder a segurança nas negociações. Para a vice-pr

Ibovespa tem queda de -1,08%, confira destaques do dia

O Ibovespa fechou com queda de -1,08% e 54.901 pontos com Sabesp (SBSP3) liderando as perdas com -4,63%, Rumo Logística (RUMO3) com -4,44%, seguida de Hering (HGTX3) com -3,93%, Telefônica (VIVT4) com -3,31 e Cesp (CESP6) com -3,15. Dados dos EUA amenizaram a queda do Ibovespa, após divulgação da ata da reunião do Fomc (Federal Open Market Comitee), que mostra improvável o aumento da taxa de juros no curto prazo, visto o atual cenário econômico do país norte-americano. O dólar que acelerou as perdas após comunicado do Fomc, chegando a queda de -1,17%, cotado a R$ 3,01. No setor financeiro, Bradesco, Itaú e Banco do Brasil, também vêm sendo impactados negativamente diante da possibilidade de

Principais acordos entre Brasil e China; mercado internacional nesta manhã

A presidente Dilma e o primeiro ministro chinês, Li Keqiang, firmaram, nesta terça-feira 19, o total de 35 acordos, mais de R$ 53 bilhões, para investimentos que asseguram apoio ao momento de recuperação na economia brasileira. Ferrovia Transoceânica: investimento estimado em R$ 10 bi, a ferrovia que permitiria escoamento nas exportações brasileiras para a China, através do Oceano Pacífico. Exportação de carne bovina: com esse acordo, nove frigoríficos foram habilitados à retomar a exportação de carne bovina para o país asiático. Financiamento da Petrobras: o acordo inclui R$ 7 bilhões em financiamentos da petroleira. Navios da Vale: acordo de venda de 4 navios gigantes, para a Vale, tem obj

Ibovespa tem queda de -1,26%, confira destaques do dia

O Ibovespa fechou com queda de -1,26% e 55.499 pontos, com destaque para Petrobras (PETR4:PETR3) com -6,31% e 6,08%, respectivamente, seguida por SID Nacional (CSNA3) com -5,53%, Ecorodovias com -5,30%, e Gafisa (GFSA3) com -4,59%. GRÁFICO COM A EVOLUÇÃO DO IBOVESPA NESTA TERÇA-FEIRA - WEB.VALEBROKER.COM.BR A queda da Petrobras vem sendo influenciada pela lista de preocupações do mercado, desde o endividamento da companhia diante da valorização da moeda norte-americana, até o preço do petróleo, que segue em baixa nessa terça. A Ecorodovias sofreu a queda depois de anunciar que passará a deter 100% do capital da Elog após exercício de put detida pela BRZ Investimentos. A queda pode ter sido r

O que o investidor precisa saber sobre agenda dessa terça-feira

Esta terça-feira será mais um dia com indicadores que podem movimentar a economia brasileira e internacional, confira os destaques. O Índice Geral de Preços – Mercado (IGP-M), usado para contratos de aluguéis e tarifas da energia elétrica, terá a segunda prévia para o mês de maio, pela Fundação Getúlio Vargas. A primeira prévia, realizada no início de maio, foi de 0,51%. Também será divulgado hoje a Pesquisa Industrial Mensal de Emprego e Salário de Março, pelo IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística). No mercado internacional, o EUA divulgará o Census Bureau, apontando os números das Construções Residenciais e Concessão de Alvarás. Também no exterior, a Alemanha mostrará os ín

Ibovespa tem queda de 1,82% após exercício de opções

Após a Petrobras (PETR4:PETR3) ter aberto em alta com a divulgação do resultado e o comunicado da emissão de debêntures, a petroleira inverteu e terminou o dia caindo. O motivo provável desta reversão foi a recomendação de venda dos papeis PETROBRAS feita pelos bancos americanos Morgan Stanley e Goldman Sachs. O ranking de maiores perdas foi liderado pela Gol (GOLL4) com -5,27%, a Vale (VALE3:VALE5) com -5,03% e 4,50%, respectivamente, seguidas por Bradespar (BRAP4) com -3,48% e Sid Nacional (CSNA3) com -3,45%. O volume total negociado no Ibovespa foi de R$ 6,67 bi. Hoje a Kroton (KROT3) também figurou o ranking de maiores volumes negociados, com R$ 347,50 milhões, junto com o Itaú (ITUB4),

Após resultado do 1T15 Petrobras salta 4%

Após a divulgação do resultado, na última sexta-feira, a Petrobras disparou essa manhã, na abertura do pregão, alcançando a máxima de 4,58% nas ações ordinárias (PETR3) e 4,20% nas preferenciais (PETR4). Às 10h25 os papéis estavam liderando as maiores altas da bolsa. A Petrobras apresentou um lucro líquido de R$ 5,33 bilhões no primeiro trimestre de 2015, o que representa uma pequena redução em comparação ao mesmo período do ano passado, de 1%, frente R$ 5,39 bilhões em 2014. O lucro operacional foi de R$ 13,3 bilhões, puxado principalmente pelo crescimento da produção de petróleo e gás. As despesas operacionais reduziram em 22%, e a empresas terminou o trimestre com R$ 68,2 bilhões em caixa