• Valemobi

B3 divulga 2ª prévia da carteira teórica do Ibovespa e mantém ações da Copel, Eneva, JHSF e Unidas

A B3 (Brasil, Bolsa, Balcão) divulgou na manhã desta quarta-feira, 16, a segunda prévia da carteira teórica do Ibovespa, válida para o período de janeiro a abril de 2021.


Passaporte Investidor: chegou seu momento de aprender a investir no exterior com os melhores professores do mercado – e de graça! Faça sua inscrição agora


Os ativos da Copel (CPLE6), Eneva (ENEV3), JHSF (JHSF3) e Unidas (LCAM3), que entraram na 1ª prévia no início de dezembro, permaneceram na carteira e nenhuma ação foi excluída.


Dessa forma, caso a nova composição da carteira teórica seja confirmada pela B3, o Índice Bovespa passará a contar com 81 ações, de 78 empresas.


Vale destacar que os papéis ordinários TIMP3, da TIM, foram substituídos pelo ticker TIMS3, e as ações preferenciais VIVT4, da Vivo, foram alteradas pelos ativos ON VIVT3.


A terceira e última prévia está agendada para dia 29 de dezembro e a carteira passa a ser válida na primeira sessão de 2021, em 4 de janeiro.


Relevância


De acordo com a nova composição, dentre os papéis com maior peso no Ibovespa estão a Vale (VALE3), com 11,224% de participação, Itaú (ITUB4), com uma fatia de 6,896%, Petrobras (PETR4), com uma representação de 5,916%, B3 (B3SA3), correspondente a 5,524%, e Bradesco (BBDC4), com participação de 5,241%.