• Valemobi

BR Malls registra lucro de R$ 62,3 mi no 4º trimestre, recuo de 63,7%

A BR Malls (BRML3) teve um lucro líquido ajustado de R$ 62,3 milhões no último trimestre de 2020, redução de 63,7% em comparação ao mesmo período do ano anterior.


Segundo a empresa, o resultado foi impactado pela contração da receita líquida, devido às restrições de funcionamento dos shoppings, ao aumento da PDD (Provisão de Devedores Duvidosos), ao crescimento das despesas financeiras e ao resultado negativo em equivalência patrimonial.


A margem registrada foi de 27,2%, ou seja 23,3 p.p. abaixo da margem do quarto trimestre de 2019.


No acumulado de 2020, a BR Malls teve prejuízo líquido de R$ 293,8 milhões, revertendo parte do lucro líquido de R$ 1,24 bilhão em 2019, em um resultado atribuído aos impactos da pandemia de Covid-19. No período, o fluxo de caixa operacional (FFO) ajustado, reduziu 58,9% quando comparado ao mesmo trimestre do ano anterior.


A receita líquida da companhia totalizou R$ 266,7 milhões nos três últimos meses do ano passado, o que representa uma redução de 23,6% quando excluídos os shoppings vendidos, resultado das restrições aplicadas ao longo de 2020, por conta dos impactos da pandemia.


O aluguel mínimo teve redução de 19,7%, enquanto a receita vinda de Mall & Mídia teve queda de 34,9%. O aluguel percentual sofreu queda de 37,2% no 4T20 ante o mesmo período de 2019.


Enquanto isso, o lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização (Ebitda, na sigla em inglês) ajustado alcançou R$ 154,7 milhões, redução de 42,1% ante o 4º trimestre de 2019.


A margem do Ebitda ajustado ficou em 58,0%, ou seja, queda de 18,4 p.p. se comparado à margem do 4T19, reflexo ainda do fraco faturamento que nem mesmo uma melhor avaliação de seu portfólio conseguiu impulsionar seus números.