• Valemobi

Fed mantém juros próximos de zero nos EUA

Em linha com o esperado pelo mercado, o Federal Reserve (Fed, o banco central norte-americano) manteve a taxa de juros dos Estados Unidos na faixa entre 0% e 0,25% ao ano.


Segundo o Comitê Federal de Mercado Aberto (Fomc, na sigla em inglês), o banco central vai continuar comprando US$ 120 bilhões em títulos por mês.


Mesmo apontando força econômica e alta na inflação dos EUA, a entidade decidiu, por unanimidade, não fazer nenhuma mudança em sua atual estratégia de política monetária.


Em comunicado à imprensa, o Fed afirma que os esforços ao combate da pandemia do novo coronavírus ajudaram a impulsionar a economia do país.


“Em meio ao progresso nas vacinações e forte apoio às políticas, os indicadores de atividade econômica e de emprego se fortaleceram”, disse o banco central em nota após o final de uma reunião de dois dias.


Vale destacar que a linguagem sobre a Covid-19 reflete uma visão um pouco menos negativa do que a utilizada no mês passado, quando o Fed disse que a crise sanitária “apresenta consideráveis riscos às perspectivas econômicas”.


Ainda hoje, o presidente do Federal Reserve, Jerome Powell, participará de uma coletiva de imprensa às 15h30 (no horário de Brasília) para completar as decisões que constam no relatório publicado após o fim da reunião.


A decisão ocorre um dia antes do Departamento de Comércio dos EUA divulgar os dados preliminares do Produto Interno Bruto (PIB) do 1º trimestre do país. A expectativa é de que a economia americana apresente um crescimento de 6,5%.

Posts recentes

Ver tudo