• Valemobi

Lucro da Raia Drogasil sobe 38,5% no quarto trimestre

A Raia Drogasil apresentou um lucro líquido de R$ 198,5 milhões no 4º trimestre de 2020, cifra 38,5% superior em comparação com o mesmo intervalo de 2019. No acumulado do ano passado, o montante atingiu R$ 579,3 milhões, crescimento de 6,7% no comparativo anual.


Em termos ajustados, o lucro líquido da companhia foi de R$ 213 milhões entre outubro e dezembro do ano passado, ante um lucro de R$ 143 milhões no mesmo período de 2019. Em 2020, a RD lucrou R$ 600,9 milhões, aumento de 2,4% na base anual.


Enquanto isso, a receita da farmacêutica avançou 16% no 4º trimestre, para R$ 5,55 bilhões. No ano, o indicador totalizou R$ 20,06 bilhões, expansão de 14,6% frente ao acumulado de 2019.


Segundo o documento entregue à Comissão de Valores Mobiliários (CVM), o crescimento no segmento de mesmas lojas, que são as unidades abertas há mais de 12 meses), foi de 10,2% na comparação trimestral. No ano, a varejista fechou 11 lojas, enquanto a abertura orgânica foi de 240 unidades.


“O relaxamento gradual do isolamento social e o fortalecimento do tráfego de clientes em nossas lojas resultou em uma pequena diminuição da penetração dos canais digitais para 6,3%, ainda significativamente acima do patamar do quarto trimestre de 2019”, destaca a empresa.


A Raia Drogasil informou que o destaque do ano foi o mercado de medicamentos isentos de prescrição médica (OTC), que cresceu 28,1% no 4º trimestre frente ao mesmo período do ano anterior.


“O aumento da participação de OTC no mix de vendas foi impulsionado por produtos relacionados à pandemia, como testes de Covid-19, álcool em gel, máscaras e vitaminas”, afirmou.


O lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização (Ebitda, na sigla em inglês) foi de R$ 407,9 milhões no último trimestre, o que representa um avanço de 30,75% se comparado com mesmo período de 2019. O Ebitda anual registrou alta de 9,4%, para R$ 1,39 bilhão.