• Valemobi

Ministério da Economia espera alta de 3,2% no PIB de 2021

O Ministério da Economia manteve sua projeção para o crescimento do Produto Interno Bruto (PIB) em 2021, com alta de 3,2%, conforme boletim da Secretaria de Política Econômica (SPE) divulgado nesta quarta-feira, 17.


Mesmo diante do endurecimento das medidas restritivas contra o avanço do covid-19 no país, as expectativas do ministério não foram afetadas.


De acordo com a pasta, o PIB brasileiro vai crescer 3,2% em 2021, mesma projeção de crescimento estabelecida desde novembro de 2019, quando ainda existia uma forte expectativa de recuperação da economia.

A meta para o Índice de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA) deste ano é de 3,75%, com margem de 1,5 ponto percentual (p.p) para mais ou para menos, de acordo com o Conselho Monetário Nacional (CMN).


Já em novembro de 2019, a SPE esperava uma alta de 3,23% para 2021.


Para 2022, 2023 e 2024, o ministério mantém inalteradas as expectativas, projetanto alta de 2,5% ao ano.


De acordo com o governo, o crescimento da inflação é resultado do aumento no preço dos alimentos e dos combustíveis, que é afetado pelo encarecimento do dólar.