• Valemobi

Vacina contra Covid-19 pode começar em dezembro nos EUA, diz autoridade; Ibovespa sobe com notícia

Os profissionais de saúde dos Estados Unidos recomendaram que as primeiras vacinas contra a Covid-19 comecem a ser aplicadas logo após obterem aprovações regulatórias no próximo mês, disse uma autoridade do governo do país à Reuters no último domingo, 22.


Segundo a agência, cerca de 70% da população de 330 milhões de americanos precisará ser inoculada para se chegar à “imunidade de rebanho” do vírus. De acordo com o doutor Moncef Slaoui, principal conselheiro científico da Operação Warp Speed, esse objetivo pode ser alcançado até maio de 2021.


O especialista destacou que a Agência de Alimentos e Medicamentos dos EUA (FDA, na sigla em inglês) provavelmente concederá em meados de dezembro uma aprovação para a distribuição da vacina produzida pela Pfizer.


Mercado reage positivamente à notícia


O mercado brasileiro abriu o pregão em alta nesta segunda-feira, 23, por conta do otimismo da vacina contra o novo coronavírus.


Por volta das 11h25, o Ibovespa, principal índice da Bolsa de Valores de São Paulo, subia 0,91%, aos 106 mil pontos.


Acompanhe a cotação em tempo real pelo TradeMap, o maior hub financeiro do Brasil.