• Valemobi

Vale registra lucro recorde de US$ 5,5 bilhões no 1T21

A Vale (VALE3) registrou um lucro líquido de US$ 5,546 bilhões (R$ 30,5 bilhões) no primeiro trimestre de 2021, de acordo com relatório divulgado na segunda-feira, 26. O valor representa uma alta de 2.220% em relação ao resultado de US$ 239 milhões obtido no primeiro trimestre de 2020.


Quando comparado com o trimestre imediatamente anterior (4T20), que apresentou US$ 739 milhões de lucro, o ganho também foi significativo, em 650,5%.


A projeção feita pelos analistas consultados pela Refinitiv era de US$ 5,06 bilhões.

Os grandes responsáveis pelo resultado da mineradora foram o aumento na produção do minério de ferro e o avanço no preço da commodity internacionalmente.


No relatório, a Vale apresenta que o preço médio do produto estava em US$ 166,9 por tonelada nos três primeiros meses deste ano; valor 25% superior ao quarto trimestre de 2020.

“Estou confiante de que nossos resultados financeiros positivos refletem nossa consistência no cumprimento de nossas promessas de redução dos risco da Vale", afirmou Eduardo Bartolomeo, presidente da mineradora, no balanço financeiro.

A companhia também reportou um fluxo de caixa livre de mais de US$ 5,85 bilhões entre janeiro e março.


Já o lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização (Ebitda) ajustado foi de US$ 8,35 bilhões (R$ 45,74 bilhões), ante US$ 2,88 bilhões um ano antes.


E a receita líquida de vendas aumentou 81% na comparação com o primeiro trimestre de 2020, somando US$ 12,65 bilhões no 1T21.


A Vale ainda destacou o início do Acordo Global de Brumadinho, feito com o estado de Minas Gerais, e o processo de recompra de 5,3% das ações em circulação no mercado, realizado no começo deste ano, como pontos favoráveis à mineradora.